Restos de navio australiano da Segunda Guerra Mundial são encontrados

Um submarino será enviado ao local em duas semanas para filmar os restos do navio, que foi atacado de surpresa por uma embarcação japonesa

EFE

20 de dezembro de 2009 | 02h26

Uma equipe de mergulhadores encontrou neste domingo os restos de um navio-hospital afundado por torpedos da Armada japonesa durante a Segunda Guerra Mundial perto da costa leste da Austrália, informaram fontes oficiais.

 

O AHS Centaur, que se foi ao afundado em 14 de maio de 1943 com apenas 64 sobreviventes das 332 pessoas a bordo, foi achado a mais de dois quilômetros de profundidade nas águas próximas a Brisbane, capital do estado de Queensland.

 

Um submarino será enviado ao local em duas semanas para filmar os restos do navio, que foi atacado de surpresa por uma embarcação japonesa.

 

Trata-se do achado deste tipo mais importante desde março de 2008, quando foi encontrado o HMAS Sydney, um destróier australiano afundado por um navio alemão durante a disputa, cuja localização tinha sido um mistério durante 66 anos.

 

A Austrália entrou na Segunda Guerra Mundial ao lado do Reino Unido em 1939 e quase um milhão de seus soldados e marinheiros combateram na Europa, norte da África e Pacífico Sul, onde morreram mais de 27 mil homens.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.