Resultado "normal" de exame permite retorno de Bush

O presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, reassumiu seu mandato neste sábado, depois de ter sido submetido a uma colonoscopia que o forçou a passar brevemente o cargo ao vice Dick Cheney. "Nada encontramos, o estado do presidente é normal", disse um dos médicos da equipe do cirurgião Richard Tubb. Como o exame exige anestesia geral, Bush, pela Emenda 15 da Constituição americana, entregou o poder, por apenas algumas horas, a Cheney. Foi a segunda vez que isso ocorreu desde a adoção da Emenda. "Recorri ao dispositivo constitucional por causa da guerra que travamos contra o terrorismo", justificou Bush antes de embarcar num helicóptero para o retiro presidencial de Camp David, onde se submeteu à colonoscopia.O presidente americano definiu o exame como rotineiro. "Eu me sinto ótimo. Não tenho nenhum sintoma", disse Bush, que já removeu quatro pólipos dos intestinos - dois em 1998 e outros dois em 1999, ambos descobertos durante colonoscopias. Os pólipos são tumores que em geral não causam sintomas e permanecem anos em alguns órgãos, como estômago e intestinos. Eles podem degenerar em câncer, mas, freqüentemente, sua remoção põe fim à doença, se detectada cedo. Ele disse aos jornalistas antes de embarcar que costuma ser "supercauteloso" em matéria de saúde, porque o país "está engajado em uma guerra sem trégua ao terrorismo". Alegando razões de segurança, Bush não quis revelar a hora em que iria se submeter à colonoscopia. Disse apenas que escolheu este sábado, um dia após o encerramento da cúpula do Grupo dos Oito (que reúne as oito nações mais industrializadas do mundo mais a Rússia), no Canadá, por ser um dia livre em sua agenda.Cheney - que sofre de problemas circulatórios crônicos - permaneceu poucas horas no comando da nação. Ao assumir o cargo, ele mandou um aviso aos extremistas, reafirmando a determinação dos EUA de combaterem o terrorismo em qualquer parte do planeta.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.