Rice chega a Amã para discutir paz no oriente médio

A secretária de Estado americana, Condoleezza Rice, chegou neste domingo à Jordânia para reunir-se com o rei Abdullah II da Jordânia, em sua viagem pela região, para tentar retomar o processo de paz.Rice aterrissou no Aeroporto Internacional de Amã, proveniente de Ramala, onde confirmou ao presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Mahmoud Abbas, o compromisso de Washington com o Mapa de Caminho e a implantação de um Estado palestino, que conviva em paz com Israel.No entanto, espera-se que o rei Abdullah rejeite a idéia de criar um Estado palestino com fronteiras provisórias, como prevê o Mapa de Caminho, plano apresentado em 2003, e que nunca foi implementado.O monarca hachemita assegurou ao presidente americano, George W. Bush, na última sexta-feira, que o reatamento das conversas de paz com Israel deve basear-se nas resoluções da ONU e na iniciativa árabe de paz, que estipulam a retirada israelense dos territórios ocupados.Abdullah II propôs ainda ao líder americano a criação de um Estado palestino dentro de tal fronteira. Durante a conversa, Rice deve buscar o apoio jordaniano à nova estratégia para o Iraque apresentada por Bush no último dia 10.A nova proposta inclui o envio de mais de 21.500 soldados ao Iraque, o reforço do papel desempenhado pela minoria sunita no processo político e a distribuição das receitas provenientes do petróleo.O objetivo principal é pôr fim ao terrorismo e à violência sectária que atinge o país, e já causou a morte de milhares de pessoas no Iraque.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.