Risco de explosão adia resgate de mineiros

A possível presença de gases tóxicos e o risco de uma nova explosão adiou para hoje a tentativa de resgate dos 29 trabalhadores presos, desde sexta-feira, em uma mina neozelandesa. A operação, que deveria ter sido realizada ontem, foi cancelada após a realização de testes em amostras de gás coletadas no local se mostrarem inconclusivas. O comandante da polícia Gary Knowles disse não estar pronto para enviar voluntários até que fique comprovada a segurança. "Continuamos confiantes e acreditamos que quando a janela de oportunidade se abrir, estaremos prontos", declarou Knowles.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.