Roche compra americana InterMune por US$ 8,3 bilhões

Londres, 24/08/2014 - A farmacêutica suíça Roche informou neste domingo que chegou a um acordo para adquirir a norte-americana InterMune por US$ 8,3 bilhões. A operação visa fortalecer a área de remédios para doenças respiratórias da Roche, com o medicamente pirfenidona, que atua no combate à fibrose pulmonar idiopática.

Estadão Conteúdo

24 de agosto de 2014 | 14h33

Essa é a maior aquisição da Roche em anos e ajuda a companhia a acompanhar o ritmo de grandes rivais, como a GlaxoSmithKline e a Novartis, que só este ano já fecharam acordos de mais de US$ 20 bilhões. Segundo a companhia suíça, a diretoria da InterMune já recomendou a aprovação da compra aos acionistas. A pirfenidona é comercializada na Europa, Canadá, Japão e China, sendo que atualmente as autoridades dos EUA estão estudando a liberação do medicamento, o que deve ser concluído até novembro.

A oferta da Roche representa um prêmio de 38% sobre o fechamento das ações da InterMune na sexta-feira e de quase 63% sobre o preço de agosto, antes de começarem especulações de que a companhia norte-americana estava prestes a ser comprada. A InterMune não tem nenhum outro medicamento registrado nem em fase de análises clínicas, embora esteja realizando testes pré-clínicos sobre outro tratamento para fibrose.

A Roche tem capacidade de sobra para pagar pelo acordo. Antes do anúncio, a companhia estava planejando registrar uma posição de caixa líquida no próximo ano, após pagar as dívidas feitas quando comprou a Genentech. A Roche tem uma geração de fluxo de caixa livre de quase US$ 14 bilhões por ano, antes de dividendos. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Rocheacordofarmacêutica

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.