Ronco torna-se um problema político na Noruega

Roncar tornou-se uma discussão política na Noruega, depois que trabalhadores de uma plataforma de petróleo reclamaram que colegas de quartos os mantinham acordados à noite.Alguns trabalhadores em plataformas marinhas têm de dividir acomodações. Assim, se um ronca, os outros estão ameaçados de se verem privados do sono. O problema tornou-se notícia nacional, hoje, depois que um membro do parlamento escreveu ao ministro do Trabalho Victor Norman pedindo que algo seja feito em prol dos trabalhadores insones. Karin Andersen, do Partido da Esquerda Socialista, disse que pediu ao ministro para explicar como planeja conduzir a demanda por sono sem distúrbios.?Parece que o problema está aumentando?, disse Karin ao jornal Haugesunds Avis.Os trabalhadores em plataformas geralmente passam duas semanas em alto-mar, o que significa que não têm como escapar dos barulhos noturnos dos colegas de quarto durante o período. Geir Heddeland, líder sindical do campo petrolífero de Ekofisk, no sul da Noruega, acha que o problema afeta cerca de 700 dos 1.050 trabalhadores apenas nesse campo.?Vai além de apenas roncar?, ele diz. Companheiros de quarto, frequentemente dividindo camas-beliche, podem acordar os outros simplesmente com sair e voltar para a cama.?Esses são empregos industriais no mar?, dizz Heddeland. ?Se as pessoas ficarem muito cansadas, podem cometer um erro, que pode ser perigoso.?

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.