REUTERS/Carl Court/Pool
REUTERS/Carl Court/Pool

Roupa da rainha Elizabeth II em discurso anima opositores do Brexit

Monarca veste chapéu azul com adereços amarelos que, para muitos, lembra a bandeira da União Europeia

O Estado de S.Paulo

21 de junho de 2017 | 18h31

LONDRES  - O chapéu usado ontem pela rainha Elizabeth II durante o discurso que abriu o calendário parlamentar do Reino Unido provocou furor na imprensa britânica e nas redes sociais em virtude de seu formato e suas cores, que, para muitos, lembrou a bandeira da União Europeia (UE). 

Com um vestido azul royal e o adereço na mesma cor, cravejado por detalhes em amarelo, a monarca leu o plano de governo da premiê Theresa May para os próximos dois anos, no qual a líder do Partido Conservador amenizou algumas de suas propostas de campanha, que previam o chamado “Brexit duro” - a ruptura total com a UE. A bandeira europeia é formada por estrelas amarelas em círculo dentro de um retângulo azul. 

A rainha, como chefe de Estado, evita se pronunciar politicamente. Durante a campanha do referendo, no ano passado, o jornal The Sun publicou que ela, em conversas reservadas, disse ser partidária do rompimento com a UE. O Palácio de Buckingham desmentiu a reportagem e garantiu que a monarca é neutra. 

“Rainha discursa com chapéu que parece incrivelmente com a bandeira europeia”, publicou o tabloide conservador Daily Mail, partidário do Brexit. 

Nas redes sociais, foram diversos os memes com montagens da rainha e da bandeira europeia. 

“Foi um pouco parecido com ela insistir em dirigir o carro do rei saudita”, disse o cientista político Simon Hix, da London School of Economics. “Uma política real bastante sutil. ” / REUTERS

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.