Rumsfeld chega de surpresa à base americana atacada, em Mossul

O secretário de Defesa dos Estados Unidos, Donald Rumsfeld, chegou de surpresa, nesta sexta-feira, à Base Avançada de Operações Marez, na cidade de Mossul, no Iraque, onde morreram 22 pessoas, 14 delas norte-americanos, em ataque rebelde no início da semana.Rumsfeld viajou à base, segundo a Associated Press, "para dar ânimo aos soldados e apaziguar o vendaval de críticas que vem sofrendo nas últimas semanas, juntamente com a acusação de falta de sensibilidade pelos esforços e sacrifícios dos soldados americanos no Iraque". Assim que desembarcou, o secretário dirigiu-se imediatamente ao hospital militar onde se encontram dezenas de soldados, feridos durante o ataque de terça-feira, supostamente cometido por um insurgente iraquiano suicida. Os feridos mais graves foram transferidos para instalações hospitalares norte-americanas mais modernas, na Alemanha. Na viagem, realizada em total sigilo, Rumsfeld foi acompanhado apenas por alguns jornalistas. Em breve entrevista a bordo do avião cargueiro C-17, o secretário disse que a viagem havia sido planejada antes do ataque de terça-feira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.