Rumsfeld ordena captura ou morte de chefes da Al-Qaeda

O secretário da Defesa dos EUA, Donald Rumsfeld, enviou um memorando secreto ao comando das forças especiais com a ordem de "capturar ou matar" os chefes da Al-Qaeda onde quer que se encontrem, informou hoje a imprensa americana. Os jornais dizem que o chefe do Pentágono está "furioso" com a falta de êxito na guerra contra o terrorismo. O documento assinado por Rumsfeld transfere ao comando de operações especiais muitos dos poderes da luta antiterrorista, atualmente em mãos do Comando Central das forças militares americanas. As forças especiais, comandadas pelo general Charles Holland, reúnem grupos militares de elite dos Estados Unidos, entre eles os "seals" da Marinha, os boinas verdes da Aeronáutica e ultra-secreta Força Delta.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.