Rumsfeld questiona avanços na guerra contra o terror

O secretário de Defesa americano, Donald Rumsfeld, questionou se os EUA estão realmente vencendo a guerra contra o terrorismo, referindo-se a "resultados mistos" na luta contra a Al-Qaeda, num memorando enviado na semana passada a altas autoridades do Departamento de Defesa.O memorando, datado de 16 de outubro e tornado público pela primeira vez hoje pelo jornal USA Today, oferece uma avaliação pessimista que contradiz o discurso rotineiro de Rumsfeld em público.O porta-voz de Rumsfeld, Larry Di Rita, disse a repórteres que o memorando pretendia "levantar grandes questões que merecem grandes reflexões" e preservar "um constante senso de urgência" na guerra contra o terrorismo."Hoje, falta-nos medidas para saber se estamos ganhando ou perdendo a guerra global contra o terrorismo", escreveu Rumsfeld. "Estamos capturando, matando ou contendo e dissuadindo todos os dias mais terroristas do que as madrassas (escolas religiosas islâmicas) e os clérigos radicais recrutam, treinam e lançam contra nós?"

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.