Rússia afirma que Geórgia colabora com a Al-Qaeda

A Rússia está acusando a Geórgia de ajudar a Al-Qaeda a enviar terroristas para a Chechênia. A presidente do Conselho Nacional de Segurança da Geórgia, Eka Tkeshelashvili, considerou a afirmação como "propaganda risível".

AE-AP, Agencia Estado

13 de outubro de 2009 | 19h22

Agências de notícias russas citaram o diretor do Serviço de Segurança Federal, Alexander Bortnikov, dizendo que gravações confiscadas de insurgentes mostram que os serviços de inteligência da Geórgia ajudaram a treinar terroristas e a enviá-los para a Chechênia em nome da Al-Qaeda e de seus aliados na Rússia.

Um recente aumento dos ataques no Cáucaso do Norte deixou o Kremlin alarmado. O governo geralmente responsabiliza forças externas pela violência na região.

Tudo o que sabemos sobre:
RússiaGeórgiaAl-Qaedaterrorismo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.