Rússia anuncia sucesso de arma imune a escudo antimíssil

A Rússia testou com sucesso, durante as manobras militares desta semana, o protótipo de uma arma que pode penetrar qualquer futura defesa antimísseis, afirmou um importante general russo. O general Yuri Baluyevsky, o primeiro-vice-chefe do Comando Conjunto das Forças Armadas russas, disse que o protótipo de um novo veículo hipersônico provou sua capacidade fazer manobras enquanto em órbita ? qualidade que, segundo ele, permitiria que uma arma baseada nesse sistema se esquivasse de um escudo antimíssil."O veículo voador mudou tanto a altitude quanto a direção de seu vôo", afirmou Baluyevsky, numa entrevista coletiva. "Durante a experiência realizada ontem (quarta-feira), provamos que é possível desenvolver armas que tornariam qualquer defesa antimíssil inútil."Na quarta-feira, o presidente Vladimir Putin afirmara que o desenvolvimento de novas armas não é dirigido contra os Estados Unidos ? e Baluyevsky reiterou a idéia, afirmando que a experiência não deve ser vista como uma resposta da Rússia aos planos americanos de defesa antimísseis."A experiência conduzida por nós não deve ser interpretada como um aviso aos americanos para que não construam sua defesa antimísseis", disse Baluyevsky à Associated Press. Ele afirmou que a Rússia não pretende pôr em uso imediato as novas armas baseadas no veículo experimental. "Demonstramos nossa capacidade, mas não temos a intenção de construir esse sistema amanhã", disse o general.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.