AP Photo/Pavel Golovkin
AP Photo/Pavel Golovkin

Rússia celebra vitória na 2ª Guerra Mundial com marcha de mais de 10 mil militares

Evento exibiu centenas de veículos blindados e sistemas de armamento, helicópteros e aviões, e contou com a participação do presidente russo Vladimir Putin

O Estado de S. Paulo

09 Maio 2016 | 09h31

MOSCOU - Mais de 10 mil militares marcharam pela Praça Vermelha de Moscou no tradicional Desfile da Vitória sobre a Alemanha nazista realizado na Rússia todo 9 de maio, uma festa de forte conteúdo patriótico que lembra os 26 milhões de mortos soviéticos na disputa.

Pela primeira vez participaram do desfile militares das Forças Aeroespaciais russas, da Guarda Nacional e um esquadrão feminino de cadetes.

Foram exibidos na celebração mais de duas centenas de veículos blindados e sistemas de armamento, além de helicópteros e os aviões que marcaram o final do evento com uma parada aérea sobre o céu da capital russa.

O presidente russo, Vladimir Putin, presente na praça, traçou um paralelo entre a luta contra os nazistas e o novo desafio que o terrorismo internacional representa para o mundo.

"Neste momento, a civilização enfrenta uma nova ameaça. Por isso estamos dispostos a construir um novo bloco de segurança internacional para derrotar o terrorismo", afirmou Putin em sua mensagem.

O chefe do Kremlin garantiu que "esta celebração se transformou no símbolo da unidade entre a Rússia e seu povo, nossa força e nossa dignidade residem nesta unidade, na lealdade à pátria", afirmou.

Um minuto de silêncio foi feito pelas vítimas da Segunda Guerra Mundial, antes do começo da parada militar. /EFE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.