Rússia desmente que tenha tropas no norte do Afeganistão

O ministro russo da Defesa desmentiu nesta quinta-feira rumores de que teriam sido enviadas forças ao Afeganistão como forma de apoio à ofensiva antiterrorista liderada pelos Estados Unidos. "A informação sobre a mobilização de unidades das forças armadas russas ao Afeganistão não corresponde com a realidade", informou a assessoria de imprensa do Ministério de Defesa da Rússia. O jornal Times, de Londres, informou em sua edição desta quinta-feira que soldados e especialistas técnicos russos, inclusive algumas unidades da divisão motorizada de infantaria com base no vizinho Tadjiquistão, encontram-se nos arredores de Cabul junto com forças da Aliança do Norte, opositora ao Taleban. Segundo o ministério, a reportagem está baseada em informações falsas. A Rússia enviou ajuda humanitária ao Afeganistão e forneceu algumas armas à aliança oposicionista. Moscou também teme que o Taleban ataque ex-repúblicas soviéticas na Ásia Central, como Usbequistão e Tadjiquistão, onde há tropas norte-americanas. Leia o especial

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.