Rússia: Em carta de Ano Novo a Obama, Putin fala em relações mais equilibradas

O presidente russo Vladimir Putin enviou uma mensagem de Ano Novo ao presidente norte-americano Barack Obama. No bilhete, Putin diz que Moscou vai buscar equilíbrio nas relações bilaterais em 2015. Nesta quarta-feira, o Kremlin divulgou dezenas de cartas endereçadas a líderes mundiais e organizações internacionais, como o Comitê Olímpico e a Fifa.

Estadão Conteúdo

31 de dezembro de 2014 | 10h17

Putin lembrou Obama da chegada do 70º aniversário da vitória aliada na II Guerra Mundial, que, segundo ele, deve servir como um lembrete da "responsabilidade que a Rússia e os Estados Unidos carregam de manter a paz e a estabilidade internacional". Moscou está ansioso para avançar em sua relações diplomáticas, desde que haja "igualdade e respeito mútuo", diz o texto.

Putin não enviou mensagens ao presidente ucraniano, Petro Poroshenko, com quem travou conflitos diretos neste ano devido à crise com os dissidentes no leste da Ucrânia. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
RÚSSIAMENSAGENS

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.