Rússia fecha contrato com turista espacial

O diretor da Agência Aeroespacial Russa Yuri Koptev disse, nesta quarta-feira, que sua agência concluiu um acordo com um magnata sul-africano da Internet para que este viaje à estação espacial internacional Alpha no ano que vem. Ele comentou ainda que os Estados Unidos e outros países envolvidos no projeto não fizeram nenhuma objeção. Mark Shuttleworth, de 27 anos, pretende transformar-se no segundo "turista espacial" da história a voar para a estação.Ele deve ser enviado ao espaço sideral a bordo de um foguete Soyuz em abril do ano que vem, informou Koptev durante coletiva. No começo deste ano, o magnata natural da Cidade do Cabo passou por um mês de testes na Cidade Estelar, um complexo de treinamento de astronautas situado nos arredores de Moscou. De acordo com Koptev, o contrato com Shuttleworth estava "praticamente" pronto para ser assinado, durante cerimônia que deve ocorrer nos próximos dias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.