Rússia não vai participar de ação militar

O chefe do estado-maior do exército russo, general Anatoly Kvashnin, disse a jornalistas que a Rússia não vai participar de qualquer operação militar liderada pelos Estados Unidos contra o Afeganistão, informou a BBC. "A Rússia não considerou e não está planejando uma participação numa operação militar contra o Afeganistão", disse Kvashnin. O general Kvashnin, que está fazendo uma visita ao Tadjiquistão disse que o objetivo de sua viagem é de inspecionar as forças russas posicionadas na fronteira com o Afeganistão. O ministro da Defesa do Tadjiquistão, Sherali Khairullayev, disse que o seu país "não vai ajudar ninguém". Ontem, um porta-voz do ministério das relações exteriores do Tadjiquistão havia afirmado que o país estava pronto para cooperar com os Estados Unidos no combate ao terrorismo. O principal assessor do governo russo para assuntos de defesa, Vladimir Rushailo, que está na Ásia Central, também deverá visitar a capital do Tadjiquistão, Dushanbe, nas próximas horas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.