Rússia nega ter cooperado com o Irã em tecnologia para mísseis

O ministro da Defesa da Rússia, Serguei Ivanov, afirmou nesta sexta-feira que seu país nunca cooperou com o Irã no desenvolvimento de tecnologia para a fabricação de mísseis. "Nunca houve qualquer tipo de cooperação com o Irã em tecnologias de foguetes", afirmou Ivanov, que também é vice-primeiro-ministro.A posição de Moscou sobre este assunto é "extremamente simples e absolutamente transparente", disse o ministro. Ele acrescentou que o sistema de segurança russo é confiável e impede a fuga de tecnologia. "Todos os possíveis canais de fuga estão fechados", garantiu.No entanto, o ministro russo lembrou que uma empresa ucraniana, a Progress, vendeu em 2000 e 2001 seis foguetes X-55 à China e mais seis ao Irã. Ivanov voltou a afirmar que a única solução para a crise nuclear iraniana é a diplomática.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.