Rússia: Pedaço de meteorito é retirado de fundo de lago

Cientistas russos recuperaram hoje um pedaço gigante do meteorito de Chelyabinsk do fundo do lago onde ele caiu em fevereiro. O meteorito que cruzou os céus dos Montes Urais no início do ano foi o maior já registrado em mais de um século.

AE, Agência Estado

16 de outubro de 2013 | 15h46

Na ocasião, mais de 1.600 pessoas ficaram feridas na onda de choque provocada pela queda do corpo celeste nas proximidades de Chelyabinsk, que teve a força calculada em 20 bombas atômicas como a lançada sobre a cidade japonesa de Hiroshima.

Hoje, cientistas russos retiraram do Lago Chebarkul, nos arredores da cidade, um pedaço do meteorito pesando 570kg. Acredita-se que este seja o maior pedaço do meteorito. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Rússiameteorito

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.