Rússia pede encontro na ONU para discutir crise

O Conselho de Segurança da ONU planeja se reunir em uma sessão de emergência nesta sexta-feira na Ucrânia após a Rússia pedir uma nova reunião política para tratar da crescente tensão política no Leste Europeu.

AE, Agência Estado

02 Maio 2014 | 12h24

A missão russa nas Nações Unidas publicou em seu perfil oficial no Twitter que o governo do país pediu a realização da que seria décima terceira reunião do conselho sobre a crise. O escritório do porta-voz do secretário-geral da ONU confirmou que a reunião seria aberta às 13h (de Brasília).

Hoje, o clima de tensão piorou após forças pró-Rússia derrubarem dois helicópteros ucranianos e, como consequência, os militares ucranianos intensificarem a ofensiva contra os insurgentes do leste.

A perspectiva para qualquer ação do conselho é altamente improvável uma vez que a Rússia detém poder de veto como membro permanente.

A Ucrânia acusa a Rússia de apoiar os rebeldes que tomaram prédios do governo em dez cidades orientais com o objetivo de afetar a soberania ucraniana.

O porta-voz de Vladimir Putin disse nesta sexta-feira que a nova ofensiva da Ucrânia contra os insurgentes "efetivamente destruiu a última possibilidade de implementação dos acordos de Genebra", assinados há duas semanas com o objetivo de atenuar a crise. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Rússia Ucrânia Onu

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.