Rússia pede 'moderação' após ameaças norte-coreanas

A Rússia pediu neste sábado "máxima responsabilidade e moderação", depois que a Coreia do Norte declarou "estado de guerra" com a Coreia do Sul e alertou Seul e Washington contra quaisquer provocações.

Agência Estado

30 de março de 2013 | 10h48

"Esperamos que todos os lados mostrem o máximo de responsabilidade de moderação e que ninguém cruze a linha após a qual não haverá volta", afirmou Grigory Logvinov, porta-voz do Ministério de Relações Exteriores, à agência de notícias Interfax. As informações são da Dow Jones.

Mais conteúdo sobre:
Coreia do NorteameaçasRússia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.