Rússia reforça segurança contra guerra nuclear na Coréia

A Rússia está tomando medidas para se proteger de um possível uso de armas atômicas na Península Coreana, disse o vice-chanceler Alexander Losyukov, segundo a agência de notícias Interfax. Losyukov afirmou que outros países, como China e Coréia do Sul, também vêm reforçando a segurança na região. ?Esses esforços dizem respeito à possível erupção de um conflito ali, no qual armas nucleares poderiam ser usadas?, disse. O vice-ministro não descreveu quais as medidas tomadas, mas disse que não envolvem uma escalada de força militar.

Agencia Estado,

17 Julho 2003 | 14h17

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.