Rússia relembra invasão nazista com discrição

A Rússia recordou ontem com discrição o 70º aniversário da invasão da Alemanha nazista à antiga União Soviética. A data ainda incomoda Moscou, pois segundo arquivos recentemente revelados Josef Stalin não teria dado importância a relatórios sobre os planos de Adolf Hitler.

AFP, O Estado de S.Paulo

23 de junho de 2011 | 00h00

A Operação Barba Ruiva iniciou-se nas primeiras horas de 22 de junho de 1941. Cidades como Kiev e Rostov ficaram meses sob a ocupação nazista. Para a Rússia e outras ex-repúblicas soviéticas, o dia marca o verdadeiro início da 2ª Guerra. A data, contudo, é menos importante do que o 9 de abril, quando a rendição alemã é celebrada.

Na Rússia e em outras ex-repúblicas soviéticas, as manifestações deste ano se limitaram a concentrações de cidadãos com velas acesas. O presidente russo, Dmitri Medvedev, colocou uma coroa de flores no Túmulo do Soldado Desconhecido.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.