Rússia vetará resolução atual dos EUA e Grã-Bretanha

O ministro das Relações Exteriores da Rússia, Igor Ivanov, alertou que a Rússia votará contra a atual proposta de resolução para o Iraque, apresentada pelos EUA e Grã-Bretanha, que estabelece em 17 de março ultimato para desarmamento do país. Esta é a primeira vez que a Rússia afirma explicitamente que vetará a resolução. "Diante da última sessão do Conselho de Segurança das Nações unidas, não ouvimos qualquer argumento sério para o uso da força na solução do problema iraquiano", disse Ivanov segundo a agência Interfax."A Rússia acredita que nenhuma nova resolução será necessária e além disso a Rússia declara abertamente que, se o rascunho de resolução apresentado recentemente para consideração e o qual contém demanda para um ultimato que não pode ser cumprido foi colocado em votação, a Rússia votará contra a resolução", afirmou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.