Rússia: vítimas do seqüestro voltam para Moscou

Os passageiros russos que foram libertados ontem na Arábia Saudita, após terem sido seqüestrados por rebeldes chechenos na madrugada de sexta-feira, embarcaram hoje em um vôo especial com destino a Moscou. Um avião da companhia aérea russa Vnukovo decolou da cidade saudita de Medina levando os passageiros, além do corpo de uma aeromoça, de 27 anos, que foi assassinada pelos seqüestradores chechenos ontem, durante a operação de resgate promovida por forças de segurança saudita. O governo russo continua mantendo negociações com as autoridades sauditas para discutir a possibilidade de extraditar os seqüestradores.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.