Saddam confessa ter desviado bilhões antes da guerra

O ex-ditador do Iraque, Saddam Hussein, confirmou ter depositado bilhões de dólares no exterior antes da guerra que levou à queda de seu regime e deu aos interrogadores nomes de pessoas que sabem onde os recursos estão, disse um membro do Conselho de Governo iraquiano.O Conselho, nomeado pelos EUA, estima que o líder derrubado se apoderou de US$ 40 bilhões durante seu período no poder, e agora procura pelo montante em bancos da Suíça, Japão, Alemanha e outros países, disse Iyad Allawi ao jornais árabes Al-Hayat e Asharq al-Awsat, ambos publicados em Londres.?Saddam começou a dar informação sobre o dinheiro que foi saqueado do Iraque e depositado no exterior?, disse Allawi ao Asharq al-Awsat. ?A investigação agora se concentra em sua relação com terroristas e no dinheiro pago a elementos fora do Iraque?.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.