Saddam diz não ter mais armas de destruição em massa

O presidente Saddam Hussein afirmou que o Iraque já teve armas de destruição em massa para se defender contra o Irã e Israel, mas eliminou todas, informou a agência de notícias iraquiana. Segundo a agência, Saddam fez as declarações num encontro com um enviado tunisiano."Não somos colecionadores de armas", garantiu Saddam. "Mas tivemos essas armas para autodefesa quando estivemos em guerra por oito anos contra o Irã e quando a entidade sionista (Israel) era, e ainda é, uma ameaça"."Quando Saddam Hussein diz que não tem armas de destruição em massa, significa que ele não tem", afirmou o líder iraquiano.Ele disse que seu país cooperou plenamente com os inspetores da ONU, tentando verificar se o Iraque havia eliminado suas armas proibidas."Temos um desejo verdadeiro de livrar nossa região e todo o mundo das armas de destruição em massa", garantiu. Ele pediu aos EUA para darem exemplo, ?eliminando suas próprias armas de destruição em massa?.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.