Sakineh deixa prisão para o funeral da mãe

Sakineh Mohamadi Ashtiani, condenada à morte por apedrejamento por adultério e participação no assassinato do marido, teve permissão para deixar a prisão e acompanhar o funeral de sua mãe nos últimos dias. Representantes da Justiça iraniana afirmaram que ela se encontra regularmente com a família e tem acesso aos mesmos direitos que qualquer outra prisioneira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.