Saleh deixa hospital na Arábia Saudita

O presidente do Iêmen, Ali Saleh, recebeu alta do hospital onde esteve internado por dois meses em Riad, na Arábia Saudita. Ele se recuperava de ferimentos decorrentes de um atentado à mesquita do palácio presidencial. Segundo relatos médicos, Saleh, de 69 anos, teria sofrido queimaduras em 40% do corpo. O vice-presidente do Iêmen, Abd-Rabbu Mansour Hadi, interinamente no poder, disse que o presidente deve voltar ao país em poucos dias. O Iêmen enfrenta há seis meses protestos por eleições e pela saída de Saleh, no poder há 30 anos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.