Saleh ficará em Riad após deixar hospital

O presidente do Iêmen, Ali Abdullah Saleh deixará "em alguns dias" o hospital saudita onde se recupera de um atentado, mas permanecerá em Riad por enquanto, disse ontem à agência Reuters um membro do governo iemenita. Saleh foi ferido gravemente em junho, num ataque rebelde à mesquita do palácio presidencial. Ele deverá permanecer sob proteção do saudita em um prédio do governo em Riad.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.