Sandy: Águas começam a baixar em NY, diz prefeito

As águas começaram a baixar em Nova York, após terem subido 4,15 metros acima de seu nível habitual ao sul de Manhattan em consequência do furacão Sandy, reclassificado pelo Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos (NHC, pela sigla em inglês) como ciclone pós-tropical, informou o prefeito de Nova York, Michael Bloomberg.

EQUIPE AE, Agência Estado

30 de outubro de 2012 | 03h33

"A enchente ocasionada pela tempestade atingiu a altura de 4,15 metros em Battery. Agora, a altura é de 3 metros e as águas estão baixando", informou Bloomberg, em sua conta no Twitter. Ele acrescentou que os cortes de eletricidade e outros problemas continuam afetando a cidade.

Cerca de 500 mil casas estavam sem eletricidade na noite desta segunda-feira em Nova York devido aos apagões provocados pelo furacão Sandy, que ocasionou a explosão de uma subestação elétrica em Manhattan. O furacão tocou a terra na noite desta segunda-feira, deixando ao menos 13 pessoas mortas nos Estados Unidos e Canadá. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAfuracão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.