São 18 os mortos em Israel; pelo menos 5 crianças

O número oficial de mortos na explosão de um ônibus de dois andares em Jerusalém é de 18, e não 20, conforme anunciado anteriormente pela rádio do Exército de Israel. Desse total de vítimas, cinco são crianças - fato que chocou as autoridades israelenses. Dezenas de outras crianças estão sendo atendidas nos hospitais. Pelo menos um bebê morreu antes que os médicos conseguissem identificar os pais.Este foi o 100º ataque suicida palestino contra israelenses desde o início do mais recente ciclo de violência, em setembro de 2000. O governo de Israel disse que a escolha do alvo deste atentado revela o ?sangue-frio? dos militantes. ?Lembre-se do alvo do ataque, um ônibus cheio de famílias que estavam rezando no Muro das Lamentações?, disse o porta-voz do governo, Dore Gold. ?É importante que as pessoas entendam que as crianças mortas e feridas foram visadas especificamente pelo suicida, que as viu?.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.