Sargento dos EUA é condenado por mortes no Iraque

O sargento do exército dos Estados Unidos John Hatley foi condenado por quatro homicídios de detentos iraquianos em 2007. O veredicto foi dado hoje por um júri de oito membros do exército. Hatley foi considerado culpado por homicídio em um incidente em janeiro de 2007, quando um insurgente iraquiano ferido foi morto a tiros. O sargento, de 40 anos, será sentenciado amanhã e pode ser condenado à prisão perpétua. O julgamento ocorreu na base militar norte-americana em Vilseck, na Alemanha.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.