Sátira de TV com cena de sexo da premiê causa polêmica na Austrália

Programa da rede pública ABC mostra a primeira-ministra Julia Gillard enrolada em bandeira do país após sexo em seu escritório.

BBC Brasil, BBC

20 Setembro 2011 | 06h34

Uma sátira da TV pública australiana sobre a premiê do país, Julia Gillard, está provocando polêmica com uma cena que mostra a personagem da primeira-ministra nua e enrolada numa bandeira do país após ter feito sexo com seu namorado.

A cena do programa At Home With Julia (Em casa com Julia), da TV ABC, vai ao ar somente nesta quarta-feira, mas já vem provocando um debate aquecido.

Alguns membros do Parlamento australiano participaram de uma reunião nesta terça-feira para discutir o assunto e pedir explicações à ABC.

"Uma cena de sexo no escritório da primeira-ministra, sob a bandeira australiana, é a gota d'água", afirmou o deputado opositor John Forrest durante a reunião. "Isso é doentio, me ofende, e acho que deveríamos reagir", disse ele, segundo os relatos de outros presentes.

Outra deputada opositora, Teresa Gambaro, se declarou ofendida pelo programa e pediu uma revisão do financiamento público à ABC.

A cena também recebeu críticas de grupos monarquistas, que consideraram o uso da bandeira desrespeitoso.

"Acho que um pouco mais de discrição ao usar a bandeira seria apropriada, mesmo ao tentar fazer uma piada", afirmou David Flint, chefe do grupo Australianos pela Monarquia Constitucional.

Graça

O programa de quatro episódios da ABC, que estreou há duas semanas, mostra a relação da premiê com seu parceiro desde 2006, Tim Mathieson.

Segundo um porta-voz do governo australiano, a própria premiê achou graça da polêmica em torno do programa, mas considerou que a bandeira do país não deveria ser mostrada daquela forma.

A ABC buscou relativizar a polêmica, afirmando que a cena "está em contexto com o programa".

"Se não há problemas para outras pessoas se enrolarem na nossa bandeira para toda sorte de ocasiões, também não há por que ela não possa ser enrolada em nossa primeira-ministra como um símbolo de amor", afirmou um porta-voz da rede. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.