Sauditas saberão proteger o petróleo, dizem EUA

Autoridades dos Estadops Unidos e do Oriente Médio mostraram confiança de que a Arábia Saudita será capaz de proteger sua indústria petrolífera, depois de um ataque terrorista contra trabalhadores estrangeiros em um importante centro petrolífero saudita que deixou 22 mortos.O impacto do ataque na cidade de Khobar, durante o fim de semana, fez estremecer os mercados mundiais. No atentado, homens armados caçaram trabalhadores ocidentais ou não islâmicos nos escritórios de empresas petrolíferas, levando a um impasse no hotel Oásis. Três supostos agentes da Al-Qaeda usaram reféns como escudo para fugir.Em Washington, o secretário de Estado Colin Powell disse não ter dúvida de que a Arábia Saudita continuará a ser uma fonte confiável de petróleo. ?Creio que os sauditas redobrarão seus esforços?, disse ele. Em Beirute, onde deve ocorrer uma reunião de ministros da Opep, o ministro do Petróleo do Kuwait, xeque Ahmed Fahd Al Ahmed Al Sabah, disse acreditar que o fluxo de petróleo saudita não seráinterrompido. ?Os sauditas são capazes de proteger suas instalações?, disse Ahmed, acrescentando que o Kuwait vem tomando medidas adicionais no mesmo sentido.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.