Schäuble: crise do Chipre piorou

O ministro de Finanças da Alemanha, Wolfgang Schäuble, disse neste domingo que a crise do Chipre piorou ao longo da última semana e que as autoridades cipriotas precisam encarar a situação.

SERGIO CALDAS, Agência Estado

24 de março de 2013 | 16h13

"Os números não mudaram, de uma certa forma pioraram," comentou Schäuble, ao se encaminhar para uma reunião do Eurogrupo, formado por ministros de Finanças da zona do euro, para discutir um possível acordo de resgate para o Chipre. "Estamos prontos para uma solução", acrescentou.

Segundo Schäuble, ele espera que a reunião chegue a um resultado hoje, mas o Chipre precisa "ver a situação de maneira realista". As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
ChipreWolfgang Schäuble

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.