Seca faz fazendeiras lavrarem a terra nuas, no Nepal

Fazendeiras de arroz da vila de Baijapur, no Nepal, têm arado seus campos nuas durante a noite, para pedir que a intervenção divina traga chuvas à região sudoeste do país. A agricultora, Ambika Tharu, de 35 anos, disse que ela e as outras mulheres da região têm coragem de se despir para o deus da chuva em função do preocupante atraso da estação de monções, que favorece o plantio e a colheita do arroz. ?Minha sogra disse que Deus ficaria satisfeito e faria chover se as mulheres cultivassem a terra nuas?, disse Ambika. O atraso nas chuvas de monções, que normalmente começam na primeira semana de junho no Nepal, impediu o plantio do arroz no país. Meteorologistas da capital Katmandu , no entantos, acreditam que a situação deva mudar nos próximos dias.

Agencia Estado,

04 de julho de 2004 | 03h21

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.