Secretária do Parlamento suíço tuíta 'selfies' nua no trabalho

Mulher, que não foi identificada, disse a um jornal do país que não acredita ter violado qualquer regra 

O Estado de S. Paulo

06 de agosto de 2014 | 11h30

 ZURIQUE - Uma secretária que publicou fotos nuas dela mesma dentro do Parlamento suíço para mais de 11 mil seguidores no Twitter disse a um jornal nesta quarta-feira que não acreditava ter violado qualquer regra.

Segundo o jornal suíço Neue Zuercher Zeitung (NZZ), muitos dos "selfies" foram feitos no gabinete dela no Palácio Federal, em edifício em Berne sede de reuniões do governo e Parlamento suíço.

A mulher, que não teve a identidade divulgada, afirmou que as fotos não infringem as normas impostas aos funcionários federais porque são parte de sua vida particular. O jornal não informou o motivo de a secretária ter postado as fotografias.

Um porta-voz do departamento de recursos humanos do governo disse ter tomado conhecimento do caso por meio da reportagem publicada nesta quarta. "O setor de serviços parlamentares terá que decidir, a partir dessas circunstâncias, se o caso viola as regras entre empregador e empregado", afirmou Anand Jagtap.

Segundo o jornal, ao ser perguntada se estava preocupada de seus colegas terem visto as fotos, a secretária disse que sim. "Essa questão passa pela minha cabeça todos os dias." / REUTERS

Tudo o que sabemos sobre:
Suíçaparlamento suíço

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.