EFE/Andy Rain
EFE/Andy Rain

Secretário de Saúde do Reino Unido considera se candidatar para suceder Cameron

Jeremy Hunt afirmou que considera ‘seriamente’ entrar na corrida para ocupar o cargo de primeiro-ministro. Prazo de inscrição termina na quinta-feira

O Estado de S. Paulo

28 Junho 2016 | 09h37

LONDRES - O secretário de Saúde do Reino Unido, Jeremy Hunt, disse nesta terça-feira, 28, que considera seriamente entrar na corrida para suceder David Cameron como primeiro-ministro.

Hunt, que apoiou a campanha pela permanência britânica na União Europeia (UE), disse ao programa "Good Morning Britain", da emissora ITV, que cogita inscrever seu nome entre os candidatos para a próxima disputa pela liderança do Partido Conservador. O prazo se encerra na quinta-feira.

"Estou considerando seriamente isso", disse. "O que quero fazer é apresentar um ponto sobre o tipo de Reino Unido que nós precisamos ser fora da UE. Essa é uma mudança enorme, e se conseguirmos isso da forma correta podemos ter sucesso."

Cameron anunciou na semana passada, após o resultado do referendo, que vai renunciar em outubro. O ex-prefeito de Londres Boris Johnson, principal figura da campanha a favor da saída do Reino Unido, é o favorito para substituir o premiê, mas vários outros nomes de peso do Partido Conservador também cogitam concorrer à liderança.

Em uma carta publicada pelo jornal Daily Telegraph na segunda-feira, Hunt disse que o Reino Unido pode realizar um segundo referendo sobre a adesão à União Europeia, se conseguir mediar um acordo com a UE para permitir o controle total de suas fronteiras. /Reuters

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.