Secretário-geral da ONU faz visita surpresa ao Iraque

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, chegou nesta quinta-feira, 22, a Bagdá para uma visita surpresa, após tomar conhecimento de que governo do país árabe e alguns grupos insurgentes estão dialogando.Segundo o canal de televisão estatal Al Iraqiya, Ban Ki-moon, que deve permanecer no máximo 24 horas em Bagdá, se reuniria logo depois de chegar com o primeiro-ministro, Nouri al-Maliki.Ambos devem discutir a possível contribuição das Nações Unidas para acabar com a onda de violência no Iraque e reconstruir o país.A visita de Ban acontece quando foram reveladas informações sobre a abertura de negociações entre o governo e os grupos da insurgência iraquiana."Existe há três meses um diálogo entre o governo e alguns dos grupos armados dentro e fora do Iraque", disse o responsável pelas Relações Exteriores no Ministério de Reconciliação Nacional, Saad Youssef al-Matlabi.O diálogo, afirmou, "tem sido dirigido principalmente a grupos sem ligação com a Al-Qaeda, e visa a convencê-los para voltar ao processo político em curso".Segundo analistas, a visita de Ban representa um apoio da ONU ao frágil governo Maliki e a suas tentativas de estabilizar o país, mergulhado no caos devido à violência sectária.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.