Seif Kadafi acusa UE de ''''jogo imoral''''

Seif al-Islam Kadafi, filho do líder líbio, Muamar Kadafi, disse à revista Newsweek que as negociações com a União Européia para a libertação de cinco enfermeiras búlgaras e um médico palestino - presos havia oito anos no país, sob acusação de infectar crianças com vírus HIV - foram um ''''jogo imoral'''' marcado por ''''chantagens'''' de ambos os lados. ''''Se chantageamos? Talvez, mas fomos chantageados'''', disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.