Seis corpos encontrados são de brasileiros, diz Bolívia

O promotor do departamento do Estado de Santa Cruz, no leste boliviano, Jaime Soliz, confirmou hoje que os seis corpos encontrados ontem enterrados em fossa comum, próxima à fronteira com o Brasil, são de brasileiros, entre eles o de uma mulher. Também foi encontrado o corpo de um colombiano. As autoridades suspeitam de um "ajuste de contas" entre narcotraficantes, segundo uma autoridade judicial. "Os corpos estavam enterrados a uns três metros de profundidade. Chama a atenção que os autores do múltiplo crime abriram e fecharam a fossa com uma escavadeira", afirmou Soliz a uma emissora local.

AE-AP, Agencia Estado

16 de abril de 2009 | 13h54

A fossa foi encontrada em San Matías, 1.000 quilômetros a leste de La Paz. O local é utilizado como rota por narcotraficantes e ladrões de automóveis. Segundo Solíz, os seis brasileiros viviam nas proximidades de San Matías. O promotor disse que possivelmente eles também eram viciados em cocaína. Também participaram da operação agendes federais do Brasil, segundo o promotor.

Tudo o que sabemos sobre:
BolíviacorposbrasileirosPF

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.