Seis cristãos são mortos por desconhecidos nas Filipinas

Disparos efetuados nesta sexta-feira por um grupo de desconhecidos contra casas habitadas por famílias cristãs de uma aldeia da Ilha de Sulu, na região de Mindanao, nas Filipinas, fizeram pelo menos seis mortos. Entre as vítimas está um bebê de nove meses. Segundo informaram fontes militares, outras três pessoas ficaram feridas.Antes de efetuar os disparos, os assassinos bateram nas portas das casas e perguntaram se ali moravam cristãos ou muçulmanos. A polícia não descarta a possibilidade de os autores do massacre pertencerem à facção fundamentalista Abu Sayyaf, grupo que Washington relaciona com a rede terrorista Al-Qaeda.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.