Seis soldados russos morrem em choques na Chechênia

Ataques rebeldes e explosõesde minas deixaram seis soldados russos mortos e 11 feridos naconturbada república separatista da Chechênia durante as últimas24 horas, revelou neste sábado, uma fonte ligada àadministração pró-Moscou da conturbada região. O mau tempo impediu pousos e decolagens por parte da forçaaérea russa. Mesmo assim, as forças federais bombardearamsupostas posições rebeldes em Urus-Martan, Vedeno e Shali,prosseguiu a fonte. A nova guerra na Chechênia já está em seu quinto ano etransformou-se em um impasse sangrento entre as partes. O presidente da Rússia, Vladimir Putin, recusa-se a negociarcom os rebeldes chechenos e tenta impor atualmente uma série demedidas para restaurar a estabilidade em uma região que viveuduas guerras em apenas uma década.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.