Seis veteranos da 2ª Guerra saltam sobre a Normandia

Sessenta anos após a invasão do Dia D, seis veteranos dos EUA saltaram de pára-quedas na Normandia, reencenando suas aventuras do tempo de guerra. Os ex-pára-quedistas vieram à Normandia para participar das celebrações dos 60 anos da invasão da frança por tropas aliadas. Centenas de pessoas vieram a Sainte-Mere-Eglise, a primeira cidade francesa a ser libertada dos alemães na 2ª Guerra Mundial, para assistir ao salto.?É uma grande emoção ter conseguido realizar um salto que certamente será o último de nossas vidas?, disse Carl Beck, de 79 anos. Sob o céu azul, os veteranos saltaram de um avião a uma altitude de 1.400 metros. ?Fizemos isso nos 50 anos, mas não queriam deixar que fizéssemos de novo neste ano?, disse Richard Case, de 83 anos. ?Eu me lembro da noite de 5 para 6 de junho de 1944. Quando saltei sobre as vilas da Normandia, eu tremia como uma folha?.Os veteranos das 82ª e 101ª divisões aerotransportadas não haviam conseguido permissão para saltar, mas a decisão foi revertida graças à intervenção do gabinete do presidente da França, Jacques Chirac.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.