Senado deve confirmar Hillary no governo Obama amanhã

O Senado dos Estados Unidos não confirmará o nome da senadora Hillary Clinton como a secretária de Estado norte-americana hoje, como inicialmente planejado. A ex-primeira-dama deve ser referendada para o posto na manhã de amanhã. Muitos dos nomes do gabinete devem ser confirmados ainda hoje, por consenso, durante a posse de Barack Obama, o 44º presidente dos EUA. O senador John Cornyn, republicano do Texas e membro da liderança republicana no Senado, disse que se opõe à confirmação de Hillary sem um voto formal no Senado. "Eu estou satisfeito em ter a oportunidade de ter um amplo e aberto debate e uma votação sobre a nomeação da senadora Clinton como secretária de Estado", disse Cornyn. "Importantes questões permanecem não respondidas em relação à Fundação Clinton e sua aceitação de doações de entidades estrangeiras."A Fundação Clinton é uma organização de caridade fundada pelo ex-presidente Bill Clinton, marido de Hillary. Apesar das eventuais restrições de alguns membros do Senado, Hillary deve ser confirmada para o posto. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.