Senado dos EUA deve votar hoje reforma da saúde

O Senado norte-americano tem votação marcada, a partir das 11 horas (de Brasília), do projeto de lei sobre a reforma do sistema de saúde do país. A expectativa é de que todos os 58 senadores democratas e dois senadores independentes apoiem a proposta. O horário da votação foi acertado na terça-feira entre os líderes dos partidos, para que os legisladores e outros funcionários do Senado tivessem mais tempo para voltar para casa para o feriado do Natal.

AE, Agencia Estado

24 de dezembro de 2009 | 07h41

Uma vez aprovado, o projeto precisará ser combinado com a versão que passou pela Câmara dos Deputados, o que deve ser uma negociação difícil. As duas Casas precisam aprová-lo mais uma vez antes de enviar o texto para a assinatura do presidente Barack Obama. Depois das votações, o Senado entrará em recesso até o dia 19 de janeiro. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
EUASenadoreformasaúde

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.