Senado nega permissão para Fox viajar para EUA e Canadá

O senado mexicano negou permissão para o presidente Vicente Fox viajar para os EUA e Canadá na semana que vem, marcando a primeira vez que um líder mexicano foi impedido de sair do país pelo Congresso. Entre os legisladores, aparentemente irritados com as frequentes viagens de Fox para o exterior, 71 votaram contra a permissão e 41, do partido de Fox, votaram a favor.Desde que assumiu a Presidência, em dezembro de 2000, Fox viajou com frequência para se encontrar com líderes de outros países e participar de conferências internacionais. Parlamentares oposicionistas alegam que ele tem passado muito tempo viajando, e não o suficiente lidando com os problemas internos do país.Fox estava programado para visitar as cidades canadenses de Calgary e Vancouver, assim como São Francisco e Seattle, nos EUA, para fortalecer as ligações políticas e econômicas entre as três nações norte-americanas.Nos EUA, Fox iria se reunir com o chairman da Microsoft, Bill Gates, entre outros compromissos. De acordo com a lei mexicana, o Senado precisa autorizar qualquer viagem presidencial para fora do país.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.