Senador americano mais antigo lamenta a guerra: "Choro por meu país"

O senador mais antigo do Congresso americano, Robert Byrd, de 85 anos, condenou nesta quarta-feira, ante um plenário semideserto, o ataque ao Iraque: ?Hoje choro por meu país?, disse.?A imagem dos Estados Unidos não é mais a de um defensor forte e benevolente da paz. Em todo o mundo, nossos amigos não confiam em nós, nossa palavra é contestada e nossas intenções são postas em discussão?, disse Byrd, senador democrata pelo Estado de Virgínia Oeste.?Ostentamos com arrogância nossa posição de superpotência?, se lamentou, enquanto era aplaudido por várias pessoas sentadas nas galerias do Congresso. O noticiário até 18/3/2003Veja o especial :

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.