Senador é indiciado por corrupção

O republicano Ted Stevens, o mais velho senador do partido, foi indiciado ontem por corrupção e sonegação. De acordo com o Departamento de Justiça dos EUA, o senador é acusado de sete crimes, entre eles o de receber benefícios para a reforma de sua casa em troca de influência no Congresso. Funcionários do governo se recusaram a especular sobre a pena em caso de condenação. Para o republicano, porém, o maior prejuízo é político. Stevens, que há 40 anos é senador pelo Alasca, disputava a reeleição contra o democrata Mark Begich, prefeito de Anchorage, maior cidade do Estado, que agora tem o caminho praticamente livre para aumentar a maioria da oposição no Senado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.